ACENDA UMA VELA 6

Camila_PontaVerde

É um cinema muito especial: o piso é a areia branca, o teto é o céu estrelado, o ar refrigerado é a brisa do Atlântico e na embarcação parada, imagens em movimento.

As velas de embarcações são ícones da cultura nordestina e por isso são as telas para um cinema com a cara da diversidade brasileira.   Acender uma vela é uma atitude emblemática que evidencia a necessidade de gerar acesso ao audiovisual com base nos Direitos do Público. As sessões são gratuitas e possuem um caráter político, poético, performático e democratizante, sendo veículo para um cinema que fala da grande vida brasileira, que faz rir e chorar, distrai e faz pensar.

Na sexta edição do projeto ACENDA UMA VELA,  comunidades em Piaçabuçu, Barra de Santo Antônio, Paripueira, São Miguel dos Milagres, Coqueiro Seco, Marechal Deodoro e Maceió tiveram as velas de suas embarcações iluminadas pelo cinema itinerante da ideário.

O curador Hermano Figueiredo nesta edição fez a opção de exibir  somente produções audiovisuais alagoanas, dando visibilidade aos criadores locais e gerando um reconhecimento entre público e obra. Para Hermano:   “O móvel dessa escolha foi a intenção de chamar atenção para a qualidade da produção artística alagoana, que floresce em várias modalidades de expressão e faz sucesso além de nossas fronteiras; apesar da carência de fomento e incentivo publico adequado”.

O ACENDA UMA VELA foi aprovado no edital do Programa de Cultura BNB 2012, do Banco do Nordeste do Brasil, em parceria com o BNDES, Governo Federal. O projeto é realizado pela Ideário,  contou com o apoio da Algas, Gás de Alagoas SA e da Rádio Educativa FM,  Instituto Zumbi dos Palmares.

Ficha Técnica – ACENDA UMA VELA 6

Relatos dos eventos – ACENDA UMA VELA 6

Banner1 - AUV6 portfólio